Neymar antes de Lyon x PSG pelo Francês© Getty Neymar antes de Lyon x PSG pelo Francês

Depois de meses tomados por rumores, críticas e incerteza, Neymar quer voltar a protagonizar manchetes pelo que faz dentro do campo.

Em suas duas primeiras partidas de volta ao PSG, o brasileiro foi vaiado, xingado pelos torcedores, mas resolveu ambas com golaços. E nesta terça-feira, em entrevista para o jornal inglês Mirror, Neymar falou sobre seu momento e garantiu: quer ser o melhor jogador do mundo.

"Eu errei várias vezes, e recuperar a confiança custa caro", disse ele. "Mas acho que o ser humano falha, é normal, parte da vida. Crescemos e aprendemos com os erros. Quero ser o melhor jogador do mundo. Simples assim."

O nome do jogador foi ligado ao Barcelona durante toda a intertemporada do futebol europeu. Ele mesmo admitiu que queria deixar o PSG para voltar à Catalunha, mas o negócio não foi concretizado.

"Não sou uma pessoa que fala muito. Sou um cara reservado. Mas acabo ficando frustrado, com raiva, explodindo e não falo da forma certa. Estou tentando melhorar nisso", explicou o camisa 10 do PSG. "Quando você está bem mentalmente, as coisas acontecem naturalmente. Se você não está bem, as coisas não acontecem da forma como é esperado."

Outra questão que Neymar tenta deixar para trás são as lesões. Os problemas físicos atrapalharam suas participações nas duas últimas Copas do Mundo, além de jogos importantes com o time de Paris e a Copa América de 2019.

"Quando você se sente confiante, pode arriscar coisas diferentes no campo. O pior momento da carreira da atleta é se lesionar. Tive duas sérias em dois anos, e fiquei sem jogar futebol por praticamente seis meses. Senti falta de fazer gols. Futebol é minha paixão", seguiu o brasileiro.