Suas Notícias
ÍNDICE


COLUNISTAS
Jussara Gottlieb
Social
Cândido Ocampo
Auditoria no novo Código
Kátia Alves
Pragas urbanas
Wilson Santos
Trânsito Brasil
Marcelinho
Blog do Marcelinho
Pedro Marinho
Blog do Pedro Marinho
Geral
Publicada em 07/05/2018 às 21h20
Moradores reafirma cobrança para morar em prédio

 

 

 
Moradora de prédio que caiu reclama de cobrança de organizadores de ocupação

Moradora de prédio que caiu reclama de cobrança de organizadores de ocupação

 

Moradores mostram carteirinha de pagamento de mensalidade para o Movimento de Luta Social por Moradia (MLSM) e reafirmam que Ananias Pereira dos Santos, 48 anos, era um dos coordenadores do movimento. Na tarde desta segunda-feira (7), o grupo acampado se reuniu e assistiu à reportagem do Fantástico, exibida neste domingo (6). As declarações dele e de Ricardo Luciano Lima, o Careca, irritaram todos os sobreviventes do incêndio e desabamento do prédio Wilton Paes de Almeida, na madrugada de terça-feira (1º).

"A gente expulsou o Ricardo daqui. Aqui ele não entra mais", disse Ana Paula Aparecido Araújo.

Zeila Rodrigues da Silva, 62 anos, disse que viajou antes do incêndio e levou a carteirinha com as assinaturas que comprovam o pagamento mensal de contribuição para o MLSM. “Eu pagava todo mês R$ 150. Se não pagasse era expulso. Não podia atrasar mais de 8 dias. A minha sorte foi ter viajado e colocado a carteirinha na bagagem, porque se não fosse isso estava tudo queimado”, disse a moradora.

Ela afirmou que Ananias tem espalhado a infor