Jorginho, técnico do Bahia, durante treino: fora após 14 jogos

Jorginho, técnico do Bahia, durante treino: fora após 14 jogos

Nesta segunda-feira, o treinador foi demitido pela diretoria tricolor um dia após a derrota na Arena Fonte Nova para o Sport por 3 a 1 pelo Campeonato Brasileiro. Para o seu lugar, conforme o ESPN.com.br apurou, o nome de Antônio Carlos Zago, ex-Inter e Juventude, foi oferecido à cúpula da equipe e está sendo analisado.  Não está descartada a efetivação do auxiliar fixo Preto Casagrande para o posto.

No total, são cinco jogos seguidos sem ganhar na Série A como mandante - desde o triunfo de 1 a 0 contra o Cruzeiro, no dia 8 de junho.

Jorginho assumiu o Bahia após a saída de Guto Ferreira para o Internacional e ficou à frente por 14 partidas: quatro vitórias, quatro empates e seis derrotas. O tetracampeão mundial deixou o Fazendão com 38% de aproveitamento.Ele deixa o Bahia no 14º lugar do Brasileirão com 19 pontos, apenas dois acima da zona de rebaixamento.

Veja abaixo o comunicado oficial do Bahia:

O Esporte Clube Bahia comunica que Jorginho não é mais o técnico do Tricolor.

O auxiliar Luis Carlos Quintanilha e o preparador físico Joelton Urtiga também deixam o Esquadrão.

Sob o comando de Jorginho, em 14 rodadas do Campeonato Brasileiro, o time venceu 4 jogos, empatou 4 e perdeu 6 partidas.

O auxiliar Preto Casagrande comandará a equipe de maneira interina no jogo desta quarta-feira (2), contra a Chapecoense, em Santa Catarina.

O diretor  de futebol Diego Cerri atenderá a imprensa no embarque da delegação, nesta segunda (31).

O Bahia agradece os serviços prestado e deseja boa sorte no prosseguimento da carreira de Jorginho, Luisinho e Joelton.

O auxiliar Preto Casagrande comandará a equipe de maneira interina no jogo desta quarta-feira (2), contra a Chapecoense, em Santa Catarina.