A Seleção Brasileira Feminina volta a campo neste domingo (11). O confronto contra a Rússia, às 16h45 (18h45 de Brasília), na Arena da Amazônia, é válido pela segunda rodada do Torneio Internacional de Manaus. Caso vença, o Brasil já garante vaga na final do quadrangular.

– O objetivo sempre é vencer e ainda mais para se classificar antecipadamente. Com isso, a Emily pode até aproveitar para fazer algumas substituições, poupar que jogou e observar as outras jogadoras – analisou a zagueira Rafaelle.

Com goleada na estreia de 6 a 0 sobre a Costa Rica, a Seleção ficou em primeiro lugar, com três pontos e seis de saldo. Em segundo está a Itália, que também venceu – 4 a 0 sobre a Rússia – e enfrenta as costarriquenhas neste domingo. 

A primeira e única vez que Brasil e Rússia foi neste ano, na Copa Algarve, em que a Seleção venceu por 3 a 0, com gols de Formiga, Bia Zaneratto e Raquel. 

A técnica Emily Lima, que analisou diversas partidas das adversárias desse domingo, espera que a sua equipe continue atuando bem tática e tecnicamente, como na estreia, e que consiga aproveitar a falta de velocidade das russas para alcançar a vitória.

– Assistimos a muitos jogos da Rússia e, sinceramente, a partida contra a Itália nos surpreendeu. Acho que elas sentiram muito o calor daqui de Manaus e não conseguiram jogar tudo que podem. Vamos aproveitar essa dificuldade. Além disso, apesar de terem muita força física, são lentas nas transições e temos que usar isso também – concluiu a treinadora.